Em uma das cidades mais populosas do Paquistão, Karachi, aconteceu esta atrocidade, as autoridades decidiram envenenar todos os cães vira-latas que estavam nas ruas, que somados eram mais de 700, sobre a alegação de que eles estavam atacando as pessoas.

Para matar os cães, durante à noite uma almôndega com uma pílula de veneno foi dada para cada cão durante dois dias, os corpos ficaram empilhados em diferentes cantos da cidade à espera de serem recolhidos pelos serviços de limpeza .

“Pelo menos 700 cães morreram em apenas duas áreas do sul de Karachi no último par de dias”

Oficial Javed -Sattar do Município de Karach

no Paquistão matam 700 cães 1no Paquistão matam 700 cães 2

Motivos

De acordo com as autoridades, eles não tinham opções pois os ataques as pessoas estava aumentando consideravelmente desde 2015, de acordo com dados do hospital local pelo menos 6.500 pessoas já tinham sido mordidas pelos cães.

O engraçado é que não é a primeira vez que isso acontece, em 2015 já havia sido feita uma primeira matança em massa de cães, mas desta vez foram mais cruéis, eles foram deixados em um lugar distante, com muito sol até morrerem, em seguida, foram jogados em uma pilha de lixo.

Agora, isso não é apenas um caso isolado do Paquistão, existem também outros países como a Rússia exatamente na cidade de Sochi, que foram acusados de exterminar cães de rua para os Jogos Olímpicos de Inverno, um bilionário chamado Oleg Deripaska financiou um abrigo para os que foram resgatados.

Outro caso é em Yulin, China, onde todos os anos milhares de cães  são abatidos e sua carne é vendida para diferentes preparações.

no Paquistão matam 700 cães 3

Agora, é uma questão de consciência, será que é verdade que estes 700 cães atacaram as pessoas ou isso foi usado como pretexto para acabar de vez com a vida destes animais? Nunca saberemos, mas até lá alguns animais inocentes vão ter que pagar com suas vidas!

ImagensNotagram