Um dos maiores mistérios da humanidade é chamado de Triângulo das Bermudas. Este mistério alimentou todos os tipos de histórias, filmes e medo nas pessoas, agora parece que graças à ciência o mistério foi revelado.

1

Nos referimos ao desaparecimento de navios e aviões no chamado Triângulo das Bermudas, que na cultura popular se tornou um centro de intensa atividade paranormal, embora a maioria das pesquisas indiquem que o mau tempo e o erro humano tenham sido os mais prováveis culpados pelos desaparecimentos, e até mesmo algumas pesquisa destacam o fato de que o número de desaparecimentos neste local é semelhante a muitos ao redor do mundo.

2

Embora a sua reputação possa assustar algumas pessoas, o Triângulo das Bermudas é realmente parte de uma rota de navegação usada regularmente por navios de cruzeiro e outros navios que operam com frequência também nessa área. Os aviões também são comuns no Triângulo das Bermudas, ambas as aeronaves privadas e comerciais.

3

As histórias de desaparecimentos inexplicáveis no Triângulo das Bermudas começaram a chegar por volta de 1950 e tem sido relatadas de forma consistente desde então, com diversas explicações diferentes, como UFOs, a verdadeira localização de Atlântida, anomalias magnéticas, piratas, furacões , mau tempo, enormes ondas, erro humano; em suma, tudo o que é possível imaginar.

4

Durante anos, muitos quebraram a cabeça para encontrar uma resposta sobre os misteriosos desaparecimentos de navios e aviões, mas parece que finalmente foi encontrada a solução. Pelo menos é isso o que os cientistas acreditam, e a resposta pode estar em uma série de crateras na costa da Noruega. Sim, na Noruega!

5

Apesar da distância entre a Noruega e o Triângulo das Bermudas, os cientistas encontraram crateras profundas de 1,6 km de largura e pouco mais de 45 metros de profundidade no Mar de Barents, que acreditam terem sido criadas por uma explosão de metano sob a água. Especula-se que isto é o que acontece também no Triângulo das Bermudas, uma região que ainda não foi definida, na parte ocidental do Oceano Atlântico Norte, em algum lugar entre a Flórida, Bermudas e Porto Rico.

6

Os pesquisadores da Universidade do Ártico na Noruega, disseram que:

“Existem várias crateras gigantes no fundo do mar em uma área no Mar de Barents, e são provavelmente causadas por grandes explosões de gás. A área de cratera representa um dos maiores pontos de liberação de metano marinho no Ártico “.

8

Os cientistas acrescentaram que as explosões que causam crateras poderiam apresentar riscos para navios que viajam no Mar de Barents. Essa teoria tem sido impulsionada por um tempo entre alguns especialistas pois seria precisamente o que acontece no Triângulo das Bermudas.

9

Os cientistas ainda estão investigando se o estouro dessas bolhas é suficiente para afundar navios e apresentaram os seus resultados muito em breve. Talvez estejamos à beira de quebrar vários mitos e perceber que era apenas gás apenas e não monstros, alienígenas ou civilizações perdidas, que causavam os desaparecimentos.

ImagensDosisviral